quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

O discurso de Obama: duas notas

Num momento extraordinário da vida política americana, Obama começou por mostrar que é afinal tão humano quanto nós – tropeçando no juramento e mostrando grande inquietação e nervosismo. O Discurso Inaugural foi contudo apresentado sem falhas, em torno de duas ideias principais.

Por um lado, a inscrição do momento actual de crise numa história maior – a americana – repleta de desafios e dificuldades. Obama mencionou as dificuldades do exército americano na luta pela independência, dos pioneiros na grande aventura da exploração do Oeste, ou dos imigrantes na sua tentativa para singrarem na América. Todavia, o Presidente não deixou de sublinhar que os Estados Unidos foram sempre capazes de enfrentar esses desafios, demonstrando uma notável capacidade de superação. Há muita gente que ainda não percebeu o que quer dizer Obama com “esperança”. Não se trata de aguardar por soluções messiânicas, mas sim de apelar ao engenho e ao espírito de luta americanos – que nos momentos mais difíceis ergueram uma e outra vez os Estados Unidos.

Em segundo lugar, é notável a forma como Obama, partindo dessa referência a uma narrativa comum, apela ao esforço pessoal de cada indivíduo e à sua intervenção cívica – percebendo que o verdadeiro progresso de uma sociedade depende afinal do contributo de cada um dos seus membros. Estamos, pois, perante um verdadeiro elogio da cidadania – próprio aliás da tradição política americana – que destaca a singularidade de cada indivíduo, destacando simultaneamente o seu papel determinante num tecido social plural. É uma mensagem que o mundo de hoje – e em particular o espaço europeu (onde os indivíduos parecem cada vez mais avessos a assumirem as suas responsabilidades cívicas) – devia considerar atentamente.

6 comentários:

Nuno Pereira disse...

Caro JGA,
de uma forma simples, penso que a toma de posse trouxe-nos isto!
Obama simplesmente mostrou que é exactamente como nós.
O nervosismo patenteado e um completo bloqueamento no juramento, momento tão solene e rodeado de enorme simbolismo histórico. Mostra que Obama acusou todo aquele momento tão grandioso que o consagrou Presidente da América e olhando para o momento que atravessamos. Presidente de todo o mundo, pelo menos enquanto a América não retornar a patentear a sua forte economia.
Obama por momentos foi traído pelos longos meses em que o seu nome foi a mensagem da esperança e cedeu. Cedeu ao peso enorme que carrega naqueles ombros, ainda pouco preparados para tão grande desafio.
Mas logo se recompôs!
E num discurso simples. Entendivel para qualquer pessoa que o escutava atentamente e orgulhosa. Lançou o vincado repto, para fazer frente ao rebuliço sem precedentes que a América mergulhou.
Entoava as palavras, ciente que iria conseguir concretizar as soluções que espalhava boca fora, para os Americanos extasiados com o momento e para o resto do mundo boquiaberto com tamanha investidura.
O discurso continuava, com as palavras a saírem com uma cadência ritmada e convencido, que chegavam ao entendedor mais vulgar que o ouvisse.
Era um discurso feito para todos, já que todos são poucos para levantar a economia americana e mundial.
Os pontos eram fáceis de entender! Porque todos os dias acordamos com eles a baterem-nos à porta e apelava aos americanos que sempre superaram todos os desafios que lhes surgiram nos já longos anos do nascimento dessa grande nação, para a sua intervenção cívica, como o grande baluarte ao verdadeiro progresso de uma sociedade. Da sociedade Americana.
Obama conquistou ao tomar posse o mundo inteiro!
Não defraudou os fanáticos que tudo deram para que a sua eleição, não passasse de um sonho puro e luminoso!
Não defraudou os que logo perceberam que ali estava um grande homem. Feito de simplicidade de humanidade e que uniu todas as raças!
Não defraudou quem ansiosamente esperava por este momento que superou a mudança de século, no seu significado e no que vai representar para a unificação do mundo numa altura crucial para todos nós.
E estou plenamente convicto, que superou as reticências dos poucos indecisos na capacidade deste homem de cor, que a curto prazo saberão dar o justo valor à sua capacidade e serão, também num curto prazo, aliados de peso para fazerem caminhar as medidas patenteadas e necessárias já avançadas por Obama.
Todos temos que ter em mente! O homem é humano não faz milagres (apesar de se saber que se eles existem, só a América os pode tornar realidade), nem é nenhum Deus!
Um por todos e todos por um! Foi a solução mais pratica e mais eficaz, em situações semelhantes de penúria económica e financeira. E outras mais, ao longo da história.
A festa terminou! Agora abrem-se as portas à realidade nua e crua que vivemos e que teremos que ultrapassar.
Este homem irá ser pau para toda a obra! A história irá se encarregar de o avaliar no final da sua obra.
Serão oito anos de uma correria infernal, para no final concluir que a missão foi cumprida E os sucessores só terão que seguir o caminho tão sofredoramente desbravado!

desculpe se me alonguei!

Carlos Santos disse...

Caro JGA,

Excelente síntese. E excelente comentário do Nuno Pereira.
Se me permitem, reitero que a franqueza desse momento emocional do juramento, como disse o Nuno, reflecte todo o culminar destes 2 anos, desde aquela escadaria e anúncio de campanha em Springfield, no Illinois.
Abraço,
Carlos

José Gomes André disse...

Muito obrigado pelos vossos ricos comentários. Não há dúvida de que foi um discurso notável, sempre em crescendo até aquela belíssima referência a Washington e aos seus bravos revolucionários. É uma mensagem de luta que fica e que contagia. Que deste lado do Atlântico tenhamos coragem para lutarmos também...

Um abraço aos dois!

WORLD STATE disse...

wrldstate.blogspot.com

Liliana Castro disse...

http://sereuropeu.blogspot.com/

ocean disse...

............☆
...........****
..........******
.........********
........**********
......*************
.....*****HAPPY***
....*****************
...*******************
..*********************
...........****
...........****
...........****


HI:nice to meet you!

Thanks to friends all over the world to Taiwan to help the flood of support and also wishes everyone peace and happiness!

Food:
chocolate,彌月蛋糕,乳酪蛋糕
巧克力,蛋糕,中秋禮盒

Accommodation:
MOTEL,汽車旅館,台中汽車旅館

Clothing:
日系服飾,服飾批發,流行服飾

Housing:
法拍屋,法拍屋,法拍

Automotive:
大樓隔熱紙,汽車隔熱紙,隔熱紙

Health:
保健食品,樟芝,納豆

Marriage:
外籍新娘,大陸新娘,越南新娘
外籍新娘,大陸新娘,中國新娘

pet:
柴犬,哈士奇

Kitchenware:
室內設計,室內設計作品,歐化廚具,廚具
系統櫃,系統傢俱,傢俱,裝潢,廚具工廠

cleaning:
清潔公司,seo,網路行銷,網路行銷seo

yoga:
瑜珈,瑜珈教室,瑜珈補習班
瑜珈教學,瑜珈教室,高雄瑜珈

travel:
墾丁旅遊網,墾丁旅遊,高雄縣旅遊,高雄縣旅遊
阿里山旅遊,高雄旅遊,日月潭旅遊
高雄旅遊 墾丁旅遊
高雄旅遊 墾丁旅遊